Magazine Efemérides

MAGAZINE

Efemérides do dia 18 de julho



Morte de Padre António Vieira
Nasceu a 6 de fevereiro de 1608

A 18 de Jullho de 1697, morre Padre António Vieira. Excelente orador, enriqueceu a língua portuguesa com inúmeros textos argumentativos e discursivos, dos quais destacamos o Sermão da Sexagéssima e o Sermão de Santo António aos Peixes.

Sobre a Ditadura

A 18 de julho de 1881, O Século escreve: «a ditadura é sempre um ataque às liberdades públicas, quer ela se apresente com semblante hipocritamente jovial, quer com aspeto carrancudo; a ditadura é sempre um golpe de estado, um salto formidável arriscado, em que se pretende ultrapassar a baliza que separa a lei do arbítrio [...]»

Fonte: O Século n.º 134, de 18-07-1881, p. 1

Este excerto foi transcrito utilizando as normas ortográficas atuais.

Nascimento de Nelson Mandela

A 18 de julho de 1914, nasce, em Mvezo, Nelson Mandela, que viria a ser o 10º Presidente da África do Sul. Toda a sua vida lutou pelo fim da segregação racial no seu país utilizando métodos pacíficos, o que lhe valeu a atribuição do Prémio Nobel da Paz e de outros galardões a nível mundial. É considerado um dos maiores líderes morais e políticos de nosso tempo.

Conferência de Genebra

As relações entre as três potências ocidentais (Estados Unidos, França e Inglaterra) e a União Soviética vinham-se deteriorando desde o fim da II Grande Guerra. A primeira reunião entre os líderes Ocidentais e os Soviéticos, com o intuito de tentar resolver os dissídios existentes, inicia-se às 10 horas e 16 minutos do dia 18 de julho de 1955, em Genebra.

Fonte 1: Dário de Lisboa n.º 11716, de 18-07-1955, pp. 1 e 16
Fonte 2: Dário de Notícias n.º 32112, de 18-07-1955, pp. 1 e 5

Nesta conferência, apenas um descongelamento superficial foi alcançado.

Ver, também, a 2ª. Conferência dos Ministros dos Negócios Estrangeiros, iniciada em Genebra, a 13 de julho de 1959.