Magazine Efemérides

MAGAZINE

Efemérides do dia 23 de julho



Nascimento de Amália Rodrigues
Faleceu a 6 de outubro de 1999

A 23 de julho de 1920, nasce, em Lisboa, Amália Rodrigues, a expressão máxima do fado. O seu assento de nascimento dá-a como nascida às cinco horas de 23 de julho de 1920, na rua Martim Vaz, na freguesia lisboeta da Pena. A fadista pretendia, no entanto, que o seu aniversário natalício fosse celebrado a 1 de julho, data em que teria efetivamente nascido.

Começa o julgamento de Pétain

A 23 de julho de 1945, começa o julgamento do Marechal Pétain, acusado de alta traição por ter assinado um armistício com os Alemães e chefiado um governo fantoche de influência nazi.

Fonte: Diário de Notícias n.º 28536, de 24/07/1945, pp. 1 e 2

Aproveitamento hidroelétrico na Ilha Terceira (Açores)

A 23 de julho de 1955, é inaugurado, na Ilha Terceira, um «importante empreendimento [hidroelétrico] cuja execução esteve a cargo da respectiva Delegação dos Aproveitamentos Hidroeléctricos, subordinada à Direcção dos Serviços Hidráulicos [… que] vai chamar a si mais de quatro quintos do consumo actual de toda a Terceira [… e] representará uma economia de cerca de 1500 contos anuais na importação de combustíveis».

Fonte: Diário de Lisboa n.º 11721, de 23-07-1955, p. 9

Violenta tempestade provoca elevados prejuízos na agricultura, levando à miséria modestos proprietários rurais

Nos dias 22 e 23 de julho de 1959, a região de Bragança é assolada por violenta tempestade, provocando elevados prejuízos na agricultura. «Para completa desgraça ou miséria de muitos dos seus modestos proprietários […] colheitas e propriedades [ficaram] totalmente improdutivas por alguns anos ou para sempre. […] Em Rebordãos e em Pereiros (freguesia de Rebordainhos) descargas eléctricas matam 32 cabras».

Fonte: Diário Popular n.º 6032, de 26-07-1959, p. 9

Tempestades como esta dificultavam, ainda mais, a já difícil situação económica dos habitantes das zonas rurais do norte de Portugal, levando muitos deles a migrar para as cidades do litoral ou emigrar, sobretudo para a França, na procura de melhores condições de vida.

Entrevista a David Mourão Ferreira

O Diário Popular de 23 de julho de 1959 insere uma interessante entrevista feita a David Mourão-Ferreira, na qual este escritor português, na altura com 32 anos de idade, se pronuncia sobre o seu ato de escrita. Eis algumas das passagens mais interessantes: «Corrigir. Corrigir muito: anoto, risco, reescrevo, volto a riscar; a reescrever, às vezes; a escrever, por fim. […] Esboço geralmente um plano de trabalho; e, geralmente não o cumpro. […] A Inspiração? Aqui para nós, trata-se de uma rapariga fascinante – mas caprichosa como o diabo.»

Fonte: Diário Popular n.º 6029, de 23-07-1959, SuplementoQuinta-feira à tarde pp. 1, 8 e 13

Campeonato do Mundo de Futebol
Portugal vence a Coreia do Norte por 5-3
Eusébio é agora o melhor jogador do mundo

A 23 de julho de 1966, depois de ter estado a perder por 3-0, Portugal consegue recuperar e vencer a Coreia do Norte por 5-3, com 4 golos de Eusébio. Com este resultado, a equipa portuguesa fica apurada para as meia-finais. A imprensa inglesa considera que «Eusébio é agora o melhor jogador do mundo».

Fonte: Diário Popular n.º 8538, de 23-07-1966, p. 1 e Diário Popular n.º 8539, de 24/07/1966, pp. 1 e 13