Magazine Efemérides

MAGAZINE

Efemérides do dia 10 de agosto



Abertura do Museu Central das Artes, atual Museu do Louvre

Em 1699, os artistas membros da Academia real de Pintura e de Escultura (fundada em 1648) expõem, pela primeira vez, na Grande Galeria do Palácio do Louvre, em Paris. Com a abertura, em 10 de agosto de 1793, do Museu Central das Artes, nas instalações do Palácio do Louvre, este passa a acolher, em permanência, as mais variadas obras de arte, constituindo a génese do actual Museu do Louvre.

Fonte: Site oficial do Museu do Louvre: Ouverture du Museum central des Arts | Musée du Louvre

Nascimento de Jorge Amado
Faleceu a 6 de agosto de 2001

A 10 de agosto de 1912, nasce, em Itabuna, o escritor brasileiro Jorge Amado. A sua obra literária, traduzida em 49 idiomas, conheceu inúmeras adaptações para cinema, teatro e televisão. É o autor brasileiro mais conhecido em Portugal, sobretudo devido a sucessos como Gabriela, Cravo e Canela e Dona Flor e Seus Dois Maridos. Estudo de excertos de Capitães da Areia (entre outros) faz parte do programa oficial ministrado nas escolas portuguesas.

Chegada do navio Niassa ao rio Tejo

«Construído na Bélgica, chega hoje [10 de agosto de 1955] ao Tejo o navio motor Niassa, para a Companhia Nacional de Navegação. […] Este é o último navio chegado a Portugal para renovação da frota mercante».

In Diário de Lisboa n.º 11739, de 10-08-1955, pp. 1, 8 e 9

Por portaria de 4 de Março de 1961, o Niassa foi o primeiro paquete utilizado no transporte de tropas e material de Guerra para as então chamadas províncias ultramarinas.